Segundo Pensamento

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 Sinceramente, considero que estavam ambos muito, mas muito melhores antes do que agora. A mudança do quarteto está-se a tornar um pouco exagerada, essencialmente a do Bill. Lembram-se de como eles começaram? De como a maioria da população jovem do sexo feminino e algum masculino delirava com eles?! Seria só por causa do talento musical deles ou pelo seu aspecto fisico?! É um pouco frustrante que após a maioria das fãs portuguesas (e não só) tenham "desistido" da sua suposta banda preferida. Eu não desisti, apenas considero que me tenha "libertado" um pouco, mas sinto imenso a falta das suas músicas dantes, das suas mensagens, da forma como queriam que nós sentissemos que eles estavam sempre connosco através das suas canções. Está-se a tornar um exagero, embora no meio desse exagero traga certas e determinadas coisas que nos dêm a entender quem realmente eles são, e quem eles eram. Positivamente, preferia os Tokio Hotel de 2008. Podemos recuar por favor?! 
Até acho que as fãs eram muito mais unidas nesse tempo, havia maior respeito e uma força incrivel, que hoje sinto falta. São apenas pensamentos que necessitei de partilhar. Acho que se há coisa que a maioria das fãs da banda alemã 'Tokio Hotel' aprenderam, foi que embora possam criticar os nossos gostos, eles merecem ser ouvidos, e não devemos temer se alguém gostará menos de nós, só por termos gostos diferentes, porque considero que hoje em dia, seja mais isso que aconteça. 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

ps: Considero que se torna estranho ver o Bill com um piercing no lábio inferior do lado direito, admito que prefiro vê-lo no lábio de Tom, e que o Bill fica muito melhor sem barba, e sem o piercing no septum e no lábio. Ficava muito melhor antes, embora gostei da sua cristazinha, e o Tom com as suas lindas e formosas rastas!  

OhDΔrling às 12:16